terça-feira, 7 de junho de 2011

Quem vive no Ágape vive na solidariedade, e não no mau-olhado

Senhor que eu possa a quem está com frio dar o cobertor.
Mas se o frio for da alma, que eu tenha Ágape para dar o verdadeiro calor afetivo.
Se alguém chorar, que eu possa suas lágrimas enxugar.
Mas se eu também estiver em dor, que o Ágape me faça companhia.
Porque é chocante, Senhor, chorar sem ter alguém para nos consolar; sofrer sem ter com quem dividir;
precisar desabafar e não ter quem ouvir; ficar doente sem ter com quem contar.
Assim, Senhor, por tudo isso, eu te suplico: preciso ao próximo servir (Ágape), tendo tolerância (Ágape)
para com a ignorância (Ágape);
o desprendimento frente à pobreza (Ágape);
a solicitude moral diante dos reclames (Ágape);
atenção e amparo para com a velhice (Ágape);
o perdão sem condição (Ágape);
a brandura na exaltação (Ágape);
a verdade sem interesse (Ágape) e o amor sem cobranças.
Estamos na quaresma com o Ágape, leia o Ágape em oração e você vai perceber um verdadeiro amor
que não cobra, um verdadeiro amor que não é interesseiro, Ágape amor Divino, amor de Jesus por nós.
Um forte Ágape!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário