quarta-feira, 22 de junho de 2011

Uma criança

As crianças apresentam-se em tamanhos, pesos e cores sortidas.
Encontram-se em toda parte, em cima, em baixo, fora, pulando, pendurada, caindo, correndo, saltando.
Os pais as amam, as visitas as detestam, as irmãs e os irmãos mais velhos as toleram e o Céu as protege.
Uma criança é a verdade de alma limpa, a sabedoria de cabelos despenteados, a esperança sem fim.
Tem o apetite do cavalo, a digestão do avestruz, a energia da bomba atômica, a curiosidade do mico, os pulmões
de um ditador, a imaginação de Júlio Verne, a timidez da violeta, a audácia da mola, o entusiasmo do busca-pé e
tem cinco polegares em cada mão quando pratica suas peraltices.
Gosta de chicletes, sorvetes, carrinhos, bonecas, a Páscoa e o Natal, e gosta de ar livre, da água, dos animais grandes,
dos automóveis e aviões e dos domingos.
Detesta as visitas, os livros sem figura, cortar os cabelos, dias de chuva, tomar banho e a hora de dormir.
Levanta cedo e está sempre atrasada para as refeições.
Entre seus pertences há sempre um tesouro: uma fruta verde mordida, um barbante, dois botões e algumas bolinhas de gude..
É uma criatura mágica.
Você pode fechar-lhe a porta de seu quarto de ferramentas, mas não a de seu coração.
Pode expulsá-la de seu escritório, mas não de seu pensamento.
Toda sua importância e sua autoridade desmoronam-se diante dela, que é seu carcereiro, seu chefe, seu amo... Quem?
Você Pai, Mãe, Tia, Tio, Vovó e Vovô quando você volta para casa, à noite, com esperanças, ambições e nervos
despedaçados, ela pode recompô-los num instante com suas palavrinhas mágicas:
- "Oi Pai, Oi Mãe."
Eu amo vocês.
Parabéns por ter uma criança em casa. !!!
E mosqueteiros parabéns para aqueles que têm e querem ter um coração de criança.


Aproveite e faça a diferença, pedindo para que os seus amigos se cadastrem no site www.padremarcelorossi.com.br.
Para que eles sejam evangelizados com orações e mensagens maravilhosas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário